Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

terça-feira, 8 de maio de 2012

Bahia terá R$ 54 milhões da União aos sistemas de dessalinização da água

A Bahia será beneficiada com 385 sistemas de dessalinização de água, com investimentos de R$ 61 milhões, sendo R$ 54 milhões do Ministério do Meio Ambiente (MMA) e cerca de R$ 6 milhões de contrapartida do Governo do Estado, para serem executados entre 2012 e 2014. Nesta terça-feira (8), em Brasília (DF), o secretário estadual do Meio Ambiente, Eugênio Spengler, anunciou a assinatura do acordo para o Programa Água Doce, com o MMA. 
Inicialmente, o acordo prevê as regras que irão orientar as localidades beneficiadas pelos sistemas de dessalinização recuperados ou instalados pelo programa. Em seguida, será realizado um convênio para a construção e recuperação de dessalinizadores. 
“Hoje, temos inúmeras comunidades que sofrem com desabastecimento de água, com poços perfurados de água imprópria para consumo, alguns não permitem nem consumo animal. A instalação dos dessalinizadores permitirá uma cobertura maior para abastecimento humano” afirmou Spengler. 
O Programa Água Doce tem como objetivo ampliar o acesso à água no semiárido, garantindo água potável para consumo humano, com construção de cisternas e sistemas coletivos de abastecimento; além dos dessalinizadores, visando a preservação do meio ambiente. 
O convênio entre o Estado da Bahia e o MMA será assinado em junho próximo, quando será liberado o novo recurso, que vai ajudar a enfrentar, com medidas estruturantes, os efeitos da seca que assola mais de 200 municípios baianos. Outro aspecto importante é que esse recurso pode reforçar algumas ações emergenciais contra a seca.

Nenhum comentário:

MURAL DE RECADOS